quinta-feira, fevereiro 16, 2017

Carazinho descarta dois, mas ainda tem um caso suspeito de dengue

Foto:Arquivo DM
Na última semana a Secretaria Municipal de Saúde de Carazinho recebeu do Laboratório Central (Lacen), os resultados de dois exames de pacientes de Carazinho que no mês passado foram tratados com suspeita de dengue.  Apesar de já na primeira avaliação dos serviços de vigilância e epidemiologia os profissionais da SMS praticamente terem descartado a indicação da doença, por precaução e seguindo as recomendações do programa de prevenção encaminharam as amostras de sangue ao laboratório e que confirmaram- se como não reagentes. A informação é do veterinário da SMS, André da Prado, do setor de Vigilância Sanitária, que revela que ao final da semana passada uma nova coleta de material de paciente foi feita e remetida ao Lacen.
Embora a situação neste ano esteja mais tranquila em relação ao ano passado, a atual condição climática é extremamente favorável para a doença neste momento”, alerta Prado. Desde a semana passada os agentes de combate a endemias estão realizando os trabalhos de campo na região de abrangência dos bairros Cantares, Planalto e Santa Terezinha. Prado explica que desde o ano passado, quando o país enfrentou um surto de casos de microcefalia causados pelo Zika Vírus, houve uma alteração no programa de combate a endemias que alterou a prioridade de trabalho dos agentes, e assim, ao invés de coletar as larvas de mosquitos no intuito de verificar o índice de   infestação, o foco passou ser eliminar eventuais pontos que possam acumular água e serem   criadouros do mosquito. (Diário AM)

Tags

0 comentários: