terça-feira, março 07, 2017

Além de produtos e serviços, Bayer leva à Expodireto palestras sobre boas práticas no campo

Em uma época em que todos os olhos convergem para a agricultura nacional, o lema que deve deixar os produtores rurais em alerta é: “para uma safra produtiva, as boas práticas agrícolas são fundamentais”. É neste sentido que a Bayer tem investido em projetos cujo objetivo é auxiliar os agricultores na tomada de decisão para o manejo preventivo e consciente. Diante deste cenário, e com foco nas necessidades dos produtores gaúchos, a empresa participa da Expodireto Cotrijal 2017, que acontece entre os dias 6 e 10 de março, em Não-Me-Toque (RS).

De acordo com Marcos Cernescu, gerente Comercial da Bayer para a região de Passo Fundo, para vencer os desafios da agricultura moderna, os agricultores precisam ter acesso ao máximo de tecnologias e informações possíveis que os ajudem a lidar com as questões climáticas, controlar as pragas e, assim, tomar as melhores decisões de manejo. “Acreditamos em uma solução integrada para o campo, por isso, além de produtos, oferecemos serviços e acesso fácil e rápido às informações necessárias para um trabalho seguro e eficiente no campo”.

Como o Rio Grande do Sul é um mercado estratégico para a Bayer, a empresa enxerga o produtor gaúcho como um dos mais diversificados no campo. “Enquanto no inverno faz a safra de cereais, no verão investe em grãos. Percebo que eles são ávidos por tecnologia, inovação e estão buscando cada vez mais serviços que agreguem produtividade na fazenda”, comenta Cernescu.
Fidelidade no Campo – Com quase 75 mil produtores inscritos, a plataforma do Programa de Pontos da Bayer oferece uma gama de serviços para facilitar o trabalho no campo, entre eles silo bolsa, consultorias com agroespecialistas, visitas técnicas e serviço de análises laboratoriais.
Cernescu comenta que o Rio Grande do Sul é o estado com o maior número de membros no programa (20.000), que possui o maior número de resgates (15.305) e a maior soma de pontos acumulados (670 milhões). “Hoje já ultrapassamos a marca dos 17 mil resgates realizados, e as categorias de ferramentas para a lavoura e de serviços agrícolas são as preferidas dos produtores. Até hoje foram 580 milhões de pontos resgatados”.

Soja – Além disso, Cassiano Medeiros, gerente de Clientes Bayer, ressalta a exposição da Credenz, marca de soja da Bayer. Para fortalecer o trabalho no campo, em 2017 a Bayer colhe os frutos do lançamento das sementes de soja Credenz, com 20 variedades, 08 delas com tecnologia LibertyLink, que permite o uso do herbicida pós-emergente Liberty. Os produtores que visitam o espaço da empresa na feira conhecem de perto esta novidade. Medeiros ainda lembra que devido à importância do estado para a Bayer, foi onde a primeira área desta tecnologia foi cultivada no Brasil.

Parceria com a Farsul – Durante as atividades da Expodireto Cotrijal, a Bayer confirma o seu compromisso com as boas práticas e, pelo terceiro ano consecutivo, assinará parceria com a Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul) para a promoção de palestras para produtores, trabalhadores rurais e seus familiares sobre o uso seguro e adequado de defensivos agrícolas, ao longo de 2017. “Nosso papel vai além de colocar uma tecnologia de alta performance nas mãos dos agricultores, também contribuímos mostrando caminhos para o melhor uso dessas inovações”, ressalta Medeiros.

Mulher – Em comemoração ao dia 8 de março, a Bayer promove durante as atividades da feira o Terceiro encontro da mulher Cotrijal, que acontece a partir das 16h no Auditório Central, e proferida pelo consultor Nailor Marques Jr.

Digital Farming – Digital Farming é uma tendência que promete mudar a forma com que os agricultores gerenciam a fazenda por meio de diversas tecnologias que possibilitam ações mais assertivas. A digitalização está ganhando importância e permitindo uma tomada de decisão mais precisa e rápida nas propriedades agrícolas. Diante deste cenário, a Bayer apresenta na Expodireto Cotrijal o aplicativo WeedScout, que reconhece automaticamente as principais plantas daninhas e já conta com mais de 13 mil imagens de diferentes plantas daninhas na lavoura, além do APP Alertas, que fornece informações sobre doenças e pragas para que o produtor esteja à frente dos obstáculos do dia a dia no campo.

Tratamento de Sementes – Pioneira no Tratamento de Sementes Industrial (TSI), a Bayer disponibiliza para o mercado gaúcho a possibilidade de uso das sementes já tratadas e prontas para o plantio por meio de suas próprias sementes ou de seus parceiros de negócio. A vantagem é que o agricultor economiza tempo e recursos, além de receber uma semente com dose exata dos produtos recomendados. “Nosso principal foco é contribuir para a proteção das sementes e para o cultivo de plantas, proporcionando maior controle sobre os fatores de risco da lavoura e oferecendo ao produtor rural uma maior produtividade”, explica Rodrigo Minguini, Agrônomo de Desenvolvimento de Mercado da Bayer.
Para completar a programação, os visitantes poderão assistir às seguintes palestras no estande da Bayer:
  • Manejo de Doenças na Soja, com os pesquisadores da UPF Carlos Forcelini e Carolina Deuner;
  • Novos conceitos em Tecnologia de Aplicação com o consultor Dirceu Gassen;
  • Qualidade de Sementes com o pesquisador Djalma Zimmer.
Todas as novidades e produtos podem ser vistos em uma área preparada especialmente para o evento, que disponibilizará aos visitantes um serviço completo de atendimento com a presença dos técnicos e especialistas para o esclarecimento de dúvidas. “Queremos mostrar nossa pluralidade, compartilhando com os clientes também a visão de como a empresa está focada em desenvolver ciência para uma vida melhor”, finaliza Marcos Cernescu. (Cultivar)

0 comentários: