• Fungicida Approve é o lançamento da Ihara durante a 18ª Expodireto


    A Ihara, empresa de tecnologia em proteção de cultivos, mais uma vez marca presença em um grande evento no Rio Grande do Sul. De 6 a 10 março, a companhia participa da 18° Expodireto Cotrijal, em Não-Me-Toque. Principal lançamento para o primeiro semestre, o fungicida Approve é o carro-chefe da empresa no evento, no qual também serão apresentados os benefícios do Certeza.

    No mercado desde as primeiras semanas de janeiro, o Approve é a nova tecnologia em fungicidas Ihara para o combate de várias doenças, em diversas culturas. Além de proteger a soja contra a ferrugem asiática, o produto controla mofo branco, antracnose, mancha alvo e ácaros em culturas como algodão, feijão, milho, soja e tomate.

    Como fungicida protetor contra a ferrugem da soja, o Approve se destaca por apresentar resistência à chuva, “ao contrário de fungicidas protetores muitos utilizados, o que proporciona uma melhor proteção”, explica o gerente de Produtos da Ihara, Clayton Emanuel da Veiga. Além disso, ele ressalta a importância de o agricultor ter um novo produto para manejo de resistência, essencial para manter os níveis de controle do fungo da ferrugem.

    A região de Não-Me-Toque está entre as principais produtoras de grãos do país, com destaque para soja, milho, trigo e arroz. Por isso, o Approve se apresenta como uma solução eficaz aos produtores locais, uma vez que é indicado para o controle de um amplo espectro de doenças. Já o Certeza é um fungicida para tratamento das sementes, fundamental para proporcionar vigor inicial à planta.
    A 18ª edição da Expodireto conta com uma área de 84 hectares, onde serão apresentadas as principais inovações e tecnologias para o desenvolvimento do agronegócio brasileiro. Pela quinta vez consecutiva, a Ihara participa da feira que reúne grandes produtores rurais e cooperativas do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

    Approve no campo
    Em testes de campo sob pressão da ferrugem asiática, as áreas tratadas com Approve obtiveram uma produtividade média de 57,5 sacas por hectares, 8,2 sacas a mais do que nas áreas onde o produto não foi utilizado. Já no caso do mofo branco, o uso de Approve resultou em uma produtividade média adicional de 8,5 sacas/hectare em relação às áreas sem o tratamento, onde a produtividade média foi de apenas 44 sacas. (Cultivar)
  • You might also like

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário