Público da 18ª Expodireto conhece lançamentos de soja da TMG


Pelo terceiro ano consecutivo, a Tropical Melhoramento & Genética (TMG) participa, de 6 a 10 de março, em Não-Me-Toque (RS), da 18ª Expodireto Cotrijal, uma das principais feiras do agronegócio brasileiro. A TMG, considerada uma das três maiores empresas nacionais de melhoramento genético de soja e algodão, leva ao público do evento seis cultivares do portfólio de soja, entre elas um lançamento da safra 2016/17 e um pré-lançamento para a safra 2017/18.

As novidades e as cultivares já consolidadas da TMG estarão expostas em parcelas demonstrativas e, dessa maneira, o agricultor poderá verificar de perto as características do que está disponível no mercado. A TMG 7063IPRO está entre as novas opções e foi lançada na safra 2015/16. Ainda na safra passada, a cultivar obteve incremento de produtividade de nove sacas por hectare com relação a média dos padrões (concorrentes), em 51 locais avaliados. A cultivar é adaptada para o Sul do Brasil, Mato Grosso do Sul, Goiás, São Paulo, Minas Gerais e Paraguai, e traz a junção da Tecnologia Inox, que confere a ela a resistência à ferrugem asiática, com a Tecnologia Intacta RR2 PRO.

O pré-lançamento TMG 7059IPRO já está disponível para o produtor e terá maior volume comercial na safra 2017/18. A cultivar apresenta precocidade, com porte reduzido e grupo de maturação 5.9. Também é dotada das tecnologias Inox e Intacta RR2 PRO, portanto, mais uma opção para o controle da ferrugem, lagartas e resistência ao herbicida à base de glifosato.
Outras quatro cultivares que já estão no portfólio há mais safras também serão destaques no estande, uma delas é a TMG 7062IPRO, de alto potencial produtivo, qualidade de grãos e excelente peso de sementes. “É indicada para solos de média e alta fertilidade e também tem boa adaptação para várias regiões do Rio Grande do Sul”, explica Sérgio Luiz Marchi, supervisor de Desenvolvimento de Mercado da TMG.

Cultivares RR - A TMG 7262RR tem como pontos fortes o alto peso de grãos, alto potencial produtivo e ciclo precoce. “É também excelente opção de refúgio em áreas com cultivares IPRO”, reforça Sérgio Marchi. Além dela, a TMG 7161RR e a TMG 7363RR, utilizadas em sistema de rotação de culturas com o arroz irrigado, em áreas baixas, também estarão expostas no estande da TMG.
E pra levar ainda mais informação para o produtor e visitante da Expodireto, a TMG preparou ensaios sobre o manejo da ferrugem com as cultivares do portfólio que trazem a Tecnologia Inox, onde foram preparados tratamentos com duas, três e quatro aplicações de fungicidas, com intervalo de 15 dias entre elas, e com duas aplicações em intervalo de 27 dias. Os ensaios pretendem demonstrar que a Tecnologia Inox permite ao produtor ter maior flexibilidade no manejo da doença, podendo realizar menor número de aplicações, em comparação com lavouras sem cultivares Inox. (Cultivar)


Postar um comentário

My Instagram

Designed by OddThemes | Distributed by Blogger Themes