• Veja como os deputados Gaúchos votaram a reforma trabalhista

    Por 296 votos a favor e 177 contrários o plenário da Câmara dos Deputados aprovou o texto-base da reforma trabalhista proposta pelo governo Michel Temer. A votação foi marcada por protestos de deputados de oposição, que alegam que a reforma retira direitos dos trabalhadores.
    Como não se tratava de proposta de emenda constitucional, o material precisava de maioria simples para passar na Câmara. Veja como cada deputado votou o texto-principal:
    Para reforçar a votação foi exonerado do cargo de Ministro do Trabalho Ronaldo Nogueira do PTB, gaúcho natural de Carazinho (RS).

    Afonso Hamm (PP) - Não
    Afonso Motta (PDT) - Não
    Alceu Moreira (PMDB) - Sim
    Bohn Gass (PT) - Não
    Cajar Nardes (PR) - Sim
    Carlos Gomes (PRB) - Sim
    Covatti Filho(PP) - Sim
    Danrlei de Deus Hinterholz (PSD) - Sim
    Darcísio Perondi (PMDB) - Sim
    Heitor Schuch (PSB) - Não
    Henrique Fontana (PT) - Não
    Jerônimo Goergen (PP) - Sim
    João Derly (REDE) - Não
    Jones Martins (PMDB) - Sim
    José Fogaça (PMDB) - Não
    Jose Stédile (PSB) - Não
    Luis Carlos Heinze (PP) - Sim
    Marco Maia (PT) - Não
    Marcon (PT) - Não
    Maria do Rosário (PT) - Não
    Mauro Pereira (PMDB) - Sim
    Onyx Lorenzoni (DEM) - Sim
    Paulo Pimenta (PT) - Não
    Pepe Vargas (PT) - Não
    Pompeo de Mattos (PDT) - Não
    Renato Molling (PP) - Sim
    Ronaldo Nogueira (PTB) - Sim
    Sérgio Moraes (PTB) - Não
    Yeda Crusius (PSDB) - Sim

    Total de Deputados Federais do Rio Grande do Sul: 29   

  • You might also like

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário