sexta-feira, maio 05, 2017

Câmara dos EUA aprova legislação que substitui Obamacare

Foto: Reuters
A Câmara dos Estados Unidos aprovou nesta quinta (4) um projeto que substitui grande parte do Obamacare. A aprovação foi bastante apertada, com 217 votos a favor e 213 contrários, sendo que nenhum deputado democrata foi favorável ao projeto e 20 republicanos foram contra.
O texto precisava de 216 votos para assegurar sua aprovação na Câmara e segue agora para votação no Senado, onde ainda não tem aprovação garantida.
Uma das principais promessas de campanha de Donald Trump, o projeto cancela grandes porções do plano de saúde instituído no governo Obama e as substitui por opções elaboradas pelo Partido Republicano. Detalhes do projeto ainda não foram divulgados.
“Este é um ótimo plano e na verdade acho que vai ficar ainda melhor”, disse Trump em um pronunciamento ao lado do líder republicano na Câmara, Paul Ryan, após a aprovação. Ao dizer que está ” muito confiante” de que o projeto será aprovado no Senado, Trump afirmou que “o Obamacare está essencialmente morto”.
Este é o segundo projeto dos republicanos para tentar derrubar o Obamacare. A primeira tentativa foi frustrada em março, quando, por falta de apoio dentro do próprio partido, o projeto foi retirado da pauta antes da votação.
“Esta lei é a concretização de uma promessa que temos feito a todos os americanos”, disse o presidente da Câmara dos Representantes, Paul Ryan, seguindo a agência France Presse. “Esperamos este dia durante sete anos”, acrescentou, em alusão ao Obamacare.
Enquanto isso, a líder do bloco democrata, Nancy Pelosi, disse que o projeto de lei “é um corte dos impostos sobre os mais ricos, em detrimento dos mais pobres. É um dia triste”.
O legislador democrata John Conyers foi ainda mais enfático: “Se adotarmos esta lei, tem gente que vai morrer”. (O SUL)

Tags

0 comentários: