terça-feira, maio 23, 2017

Ordem dos Advogados do Brasil entregará na quinta-feira o pedido de impeachment de Michel Temer à Câmara dos Deputados

Foto: Divulgação
A assessoria da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) informou que a entidade entregará à Câmara dos Deputados o pedido de impeachment do presidente Michel Temer na tarde de quinta-feira (25). O pedido vai ser protocolado no Legislativo pelo presidente da OAB, Claudio Lamachia, por conselheiros federais e presidentes das seccionais da entidade.
No sábado (20), representantes da OAB de 24 Estados e do Distrito Federal votaram a favor da apresentação de um pedido de impeachment do peemedebista com base nos fatos relatados nas delações dos executivos do grupo JBS. Só a seccional da entidade no Amapá se posicionou contra.
Na avaliação da OAB, independentemente de uma eventual edição da gravação da conversa entre Temer e o empresário Joesley Batista no Palácio do Jaburu, o diálogo indica que o presidente da República cometeu crime de responsabilidade.
A OAB afirmou que identificou crime de responsabilidade em dois trechos da conversa. No primeiro, o empresário diz que tinha a favor dele dois juízes e um procurador. A entidade dos advogados afirma que o presidente deveria ter informado as autoridades imediatamente.
Em outro trecho, o delator da Lava-Jato pede ajuda a Temer para resolver assuntos pendentes no Conselho Administrativo de Defesa Econômica. Para a Ordem, um favor pessoal é incompatível com o cargo de presidente da República. (O SUL)

Tags

0 comentários: