• Sindicatos estudam a possibilidade de proibir presença de Black Blocs em suas Manifestações


    Esta ideia de proibir presença de Black Blocs em Manifestações dos Sindicatos de Trabalhadores em todo Brasil, surgiu depois dos incidentes ocorridos em Brasília (DF) no dia 24 deste mês, aonde uma manifestação pacifica quase se torno em uma guerra civil, após reunião nesta terça-feira das centrais sindicais que participaram do Ato com CUT, CTB, Força Sindical, UGT, Intersindical, Nova Central,  CGTB e CSP/Conlutas, avaliaram como bom o resultado do 24 e que foi alcançado objetivo previsto que era a não votação da Proposta de Emenda Constitucional da Reforma Trabalhista, mas foi muito debatido por algumas centrais a participação e o real objetivo do grupo Black Bloc, pois segundo avaliação por parte das autoridades locais do DF, os causadores dos vandalismos não foram os representantes dos sindicatos e sim os participantes do grupo Black Bloc, sabe-se que no passado o grupo foi ligado a partido políticos como PT, Psol e PSTU, mas hoje as vários representantes de sindicatos que defendem a tese que eles são infiltrados em seus protestos, para criar o caus e a desordem para sim envergonhar o movimento sindical, assim consequentemente, para que os sindicatos seja taxados de vândalos, e nao alcance seus objetivos junto aos trabalhadores.

    Na ultima semana a Força Sindical divulgou nota na quarta-feira (24) em que lamenta e rechaça a infiltração de integrantes do black blocs na manifestação realizada em Brasília contra as reformas e pela renúncia do presidente Michel Temer. "Não temos nada a ver com esses baderneiros", diz o documento. (3Pátrias) 
  • You might also like

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário