quinta-feira, junho 29, 2017

Adolescente invade o Palácio da Alvorada com um carro e militares disparam contra o veículo

Foto: Divulgação
O Palácio da Alvorada, em Brasília, sofreu uma tentativa de invasão na noite de quarta-feira (28). Homens do Exército que faziam a guarda do local informaram que um adolescente parou em frente ao portão. Quando os seguranças chegaram perto, ele acelerou o carro que dirigia e derrubou uma das grades.
Os militares atiraram contra o motorista, que invadiu a área restrita. Imagens mostram o portão no chão, cartuchos de munição e as luzes de segurança acesas. Segundo a Polícia Militar do Distrito Federal, a área foi isolada. O adolescente foi detido após a invasão. O suspeito ficou sob a guarda do Exército até ser conduzido pela Polícia Federal.
O Palácio da Alvorada é a residência oficial do presidente da República, mas Michel Temer (PMDB) mora no Palácio do Jaburu e tem usado o Alvorada apenas para reuniões políticas. Ele estava no Palácio do Planalto na hora do ocorrido e foi informado sobre a invasão pelo ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, general Sérgio Etchegoyen.
Uma ambulância foi enviada para o local, segundo testemunhas. Pouco antes das 23h, o Gabinete Institucional da Presidência da República divulgou uma nota oficial: “Por volta das 19h de hoje [quarta-feira], um veículo, após receber orientação para reduzir a velocidade e identificar-se, acelerou abruptamente e ultrapassou a grade de proteção que dá acesso ao Palácio Alvorada. Foram realizados disparos de arma de fogo de advertência e, em seguida, contra o veículo que parou na área interna do Palácio. O motorista, sem ferimentos e, aparentemente menor de idade, foi conduzido pela Polícia Federal, que realizará as investigações”.
Desde março, Temer e sua família deixaram o Palácio da Alvorada e se mudaram para o Jaburu. A assessoria do peemedebista alegou que “o presidente não se adaptou ao local, achava tudo muito distante e pouco conseguia ver o filho”. (O SUL)

Tags

0 comentários: