terça-feira, junho 13, 2017

O Grêmio venceu o Bahia e chegou mais perto do Corinthians na luta pela liderança do Brasileirão

Foto: Lucas Uebel
O Grêmio segue 100% em casa no Brasileirão e na cola do líder Corinthians. Nessa segunda-feira, no complemento da sexta rodada, o time gaúcho venceu o Bahia por 1 a 0. O gol da vitória saiu com Bruno Cortez, no final do segundo tempo. A vitória tem gosto ainda mais especial pela atuação, cheia de dificuldades contra um adversário bem armado. A equipe de Renato Gaúcho chega aos 15 pontos, um atrás do Corinthians, e se isola como vice-líder. O Bahia estaciona nos nove pontos.
O Grêmio não começou o jogo com marcação alta e pressionando o Bahia, mas rapidamente tomou a dianteira ao tentar propor. O time, porém, encontrou dificuldade para infiltrar e criar chances perto do gol de Jean. Pedro Rocha, com cavadinha que não terminou em gol, foi momento. Sem entrar na área, a saída foi chutar de longe. Mas não deu certo.
Com 15 minutos de segundo tempo o Grêmio mudou. Arthur saiu e Everton entrou. A troca deu mais profundidade ao time por alguns minutos, mas o meio-campo ficou menos criativo. Na reta final do jogo o Tricolor mudou tudo. Com Lincoln no lugar de Maicon, Ramiro recuou. Fernandinho, que havia entrado no lugar de Pedro Rocha, foi para direita e Everton caiu para esquerda. Luan foi adiantado e o time arriscou ainda mais. O escanteio, um recurso não tão usual, foi decisivo. Luan bateu bem, a zaga do Bahia não afastou e Cortez marcou.
Grêmio
Marcelo Grohe; Edílson, Geromel, Kannemann e B. Cortez; Michel, Michel, Maicon (Lincoln), Ramiro, Arthur (Everton) e Pedro Rocha (Fernandinho); Luan Técnico: Renato Portaluppi.
Bahia
Jean; Eduardo, Thiago, Lucas Fonseca (Rodrigo) e Matheus Reis; Renê Júnior e Juninho; Zé Rafael, Allione (Gustavo Ferrareis) e Vinícius (Mendoza); Edigar Junio. Técnico: Jorginho. (O SUL)

0 comentários: