• Dinamarca e Austrália empataram em 1 a 1 na segunda rodada do Grupo C do Mundial

    Foto: Reprodução
    As seleções da Dinamarca e da Austrália empataram em 1 a 1 em jogo válido pela segunda rodada do Grupo C do Mundial. Com o empate, a seleção europeia está com 4 pontos, enquanto a Austrália tem apenas um.
    A Dinamarca abriu o placar aos 5 minutos do primeiro tempo. Em jogada dentro da área australiana, o camisa 10 Eriksen chutou forte sem chances para o goleiro, anotando um golaço.
    Com um gol de pênalti cobrado por Jedinak, aos 36 minutos do primeiro tempo, a Austrália empatou o jogo. A penalidade foi marcada pelo juiz espanhol Antonio Mateu com o auxílio do VAR (árbitro de vídeo, na sigla em inglês).
    O segundo tempo da partida, que aconteceu na cidade de Samara, foi dominado pelos australianos. O grande destaque do time foi Leckie, principal responsável por puxar rápidos contra-ataques e levar perigo ao goleiro Schmeichel. Apesar de um começo bom, o dinamarquês Eriksen não se destacou no resto da partida e a Dinamarca, como um todo, não jogou bem e apareceu pouco no ataque.
    A partir dos 30 minutos da etapa final, o ritmo do jogo diminuiu. As duas equipes já pareciam mais preocupadas em não perder do que se arriscar no ataque.
    Escalações
    A Dinamarca, comandada pelo técnico Age Hareide, jogou com Schmeichel; Dalsgaard, Kjaer, Christensen e Larsen; Schone, Delaney e Eriksen; Poulsen (Braithwaite), Sisto e N. Jorgensen (Cornelius). A Austrália, treinada por Bert van Marwijk, atuou com Ryan; Risdon, Sainsbury, Milligan e Behich; Jedinak, Mooy e Rogic (Irvine); Leckie, Kruse (Arzani) e Nabbout (Juric).
    Primeiro jogo da Austrália
    Com a utilização da tecnologia em lances polêmicos, a França venceu no sábado (16) a Austrália por 2 a 1 na primeira partida das duas equipes neste Mundial. A partida foi realizada em Kazan, uma das cidades mais modernas e acolhedoras da Rússia. Aos 11 minutos do segundo tempo do duelo, o juiz uruguaio Andrés Cunha havia mandado seguir um lance em que Griezmann foi derrubado na área, mas parou para consultar o árbitro de vídeo após a bola sair para lateral. Após alguns segundos de consulta, Cunha marcou a penalidade. Griezmann abriu o placar para a França.
    Em seguida, aos 14 minutos, o francês Umtiti colocou a mão na bola dentro da área da seleção europeia. O árbitro do jogo marcou o pênalti sem precisar recorrer ao uso do vídeo. Jedinak cobrou e empatou o jogo. Aos 36 minutos, Pogba marcou o gol da vitória da França.
    Primeiro jogo da Dinamarca
    No sábado, em Tamem Saransk, a Dinamarca venceu o Peru por 1 a 0. Os peruanos não participavam de um Mundial há 36 anos, e poderiam ter ao menos empatado, se não tivessem desperdiçado um pênalti sofrido e perdido por Cueva, ainda na primeira etapa. O gol dinamarquês foi marcado por Yurary Poulsen, aos 13 minutos do segundo tempo. (O SUL)
  • You might also like

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário