• O IPVA no Rio Grande do Sul vence no dia 30 deste mês para os veículos com placas com finais 7 e 8

    Foto: Divulgação
    Com a chegada do mês de junho, o Detran-RS (Departamento Estadual de Trânsito) alerta aos proprietários de veículos com placas com finais 7 e 8 para o vencimento do licenciamento 2017. O documento deste ano passa a ser exigido para esses carros a partir do dia 1º de julho.
    O proprietário deve quitar, além do IPVA (Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores), o DPVAT (seguro obrigatório), a taxa de expedição do CRLV (Certificado de Registro e de Licenciamento do Veículo) e multas vencidas, se houver. Caso tenha pago o IPVA e ainda não tenha recebido o documento, o proprietário deve primeiro verificar se quitou todos os itens que compõem o licenciamento, ou ainda, se há algum processo pendente. É possível consultar a situação do veículo no site do Detran-RS, informando a placa e o número do Renavam.
    Embora o prazo para o pagamento do IPVA de todos os veículos tenha vencido no final de abril, a validade do licenciamento 2017 varia conforme o número final da placa. Para as placas com finais 1, 2 e 3, o prazo expirou em 30 de abril. Para as placas com finais 4, 5 e 6, em 31 de maio. Para as placas com finais 9 e 0, o documento de 2017 tem prazo até até 31 de julho.
    O Detran-RS alerta que dirigir veículo com licenciamento vencido é infração gravíssima, passível de multa de R$ 293,47, sete pontos na CNH (carteira nacional de habilitação), além de remoção do veículo a um depósito até a regularização.
    Aviso pelo celular
    O proprietário de veículo pode ser avisado por e-mail ou mensagem de celular quando o documento for emitido. Basta cadastrar-se na Central de Serviços do DetranRS.  O cadastro é feito pelo site do Detran-RS ou baixando o aplicativo na App Store e Google Play.
    Descontos
    Os contribuintes que integram o programa NFG (Nota Fiscal Gaúcha) tiveram um total de R$ 17,5 milhões de descontos no pagamento do IPVA 2018. Cerca de 640 mil motoristas garantiram um abatimento entre 1% e 5% sobre o valor do tributo pelo gesto de pedir a inscrição do CPF nas notas fiscais de suas compras. Pouco mais de 3,548 milhões de veículos precisam pagar o IPVA neste ano, o que significa dizer que 18% tiveram o benefício do programa.
    No ano passado, o desconto para quem faz parte da NFG (Programa Bom Cidadão) ficou em R$ 15,7 milhões, contemplando cerca de 632 mil motoristas (17,6%). Além do benefício de pagar menos IPVA, o programa ainda distribuiu R$ 15 milhões em prêmios por ano nos sorteios mensais. Outros R$ 18 milhões serão repassados até o final de 2018 para as entidades credenciadas que atuam na área da educação, assistência social, saúde e proteção animal. (O SUL)
  • You might also like

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário